quinta-feira, 30 de setembro de 2010

diário2 ─ capítulo 09

Bom dia, senhor Ramos. Adoraria comentar muitas coisas hoje. Mas não tenho muita coisa pra falar. Então o primeiro avo é... Beleza.

Beleza nada mais do que a estética relacionada a visão de algo elativamente bem visto e discretamente visível com agrado. Traduzindo: "Que gato"/"Que gata".
Nada de que não seja tão simples e fácil de falar u fazer. Você já deve ter dito isto para alguém. Não?! Eu raramente digo. Tenho muito poucos amigos com os quais posso falar abertamente de coisas relacionadas a sentimentos e atos que faço durante o dia e tento esquecer durate a noite.

"À noite de um jeito,
de dia de outro,
até achar o beijo do amor verdadeiro".
Shrek, Fiona.

Assim sou eu. Como eu deveria ter dito antes no meu orkut.
Ainda sinto algo estranho por algumas pessoas.

Amo ver gente bonita todos os dias. Me faz querer ser bonito também. E estou melhorando meu jeito de me vestir e postura. Estou um pouco mais livre para me vestir "para matar". Ainda tenho certos problemas.

Felicidade.
Amor.
carinho. Sinto um profundo carinho pela maioria dos meus colegas. Sou eu aqui, não Mag. Hoje ele tirou o dia de folga lá em não sei aonde.Só volta à noite. Sinto muito não ter sido um bom amigo, ou ser tão agressivo com ele, mas ele tem que saber que há hora pra tudo. Se nós pudessemos fazer o que queremos eu estaria hoje numa ilha deserta cercado de mulher e jogos.

3 desejos. Tava pensando ontem de noite. Nós não fazemos outra coisa. Bem que Mag reclama de tanto pensar, a gente não faz mais nada. Se pudesse fazer os três desejos eu pediria:
  1. Algo interessante
  2. Algo que tanto desejo
  3. poder refazer os três desejos sem perder o que já consegui e gostei.



Seria o melhor jeito de se realizar todos os desejos. Imagine só. Primeiro: Quero poder ganhar dinheiro jogando Tekken. Segundo: Desejo ganhar 1 eal para cada pessoa ganhando acima de 100 vezes a moeda corrente. Terceiro: desejo refazer os pedidos 1 e 2 sem perder o que consegui.
E de novo 1°: Desjo ser amado como eu amo uma determinada pessoa (que você sabe muito bem é). 2°: Desejo ter todas asvantagens de ter dinheiro. 3°: desejo refazer os desejos 1, 2 e 3 sem perder o que já consegui. E por aí vai.

Vai encarar? Seria a melhor maneira de conseguir tudoo que mais desejo sem ter que esperar que surja outra oportunidade para realizar meus desejos. Teria o mundo aos meus pés se pedisse. Na verdade eu já tenho o mundo aos meus pés. Só preciso do globo para ter o mundo nas mãos. Pense, senhor Ramos, para onde a gravidade terrestre nos leva? Se nós não estivéssemos com os pés apoiados no lugar para onde a gravidade aponta, nós estaríamos com o que lá? Então, senhor Ramos, por que eu preciso do globo para ter o mundo nas mãos? Justamente por que eu já tenho o mundo aos meus pés. Logo não preciso disto.

Ontem tava pensando na relatividade do não. Nada de que deva falar agora. Afinal ainda nem discuti com pessoas que fazem filosofia e psicologia para poder saber como seria a reação deles. Quando tiver esta experiencia eu faço um comparativo.

Bis bald, herr Ramos. J'adore vous.

diário do dia 30/10/2010

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Selecione outra página.
=>

Viaje pelas tags do blog: