domingo, 24 de abril de 2011

Lacrimeja

Queria dizer algo bonito e legal para iniciar este capítulo. Obrigado.

Bom, eu quis vir falar com o senhor por que conversei com um ex-colega sobre minha vida. Ela me fez pensar. Refletir sobre os meus amores. Eu sei que é apenas um, senhor Ramos.

Ela me fez pensar no por que eu não fico com outras pessoas para tentar descobrir do que eu realmente gosto. Não, no sentido sexo. Amizade não leva a descobertas tão profundas.

Sei lá. Fui completamente sincero. Não posso mais mentir, senhor Ramos. Mentir exige mais que apenas um segredo. Exige justificativa, exige atuação, exige estudos de personalidade e caráter. Claro que não vou parar de mentir por falta de conveniência. Ainda prefiro que minta pra mim para me proteger, ou para proteger outros. Não precisa me lembrar da aula que tive de Yoga. Não foi bem uma aula, e pretendo não ir amanhã.

Tudo bem, eu paro por aqui. A bientôt!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Selecione outra página.
=>

Viaje pelas tags do blog: