sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

Sr. Ramos, eu tenho pensado muito e... É melhor eu começar a providenciar minha vida fora do Brasil. Ainda sinto uma vontade imensa de estar longe daqui até o final de 2014. É, o senhor tem razão. Eu ainda quero viver como militar.

Talvez sim, talvez não. Ainda não sei exatamente o que eu quero. Não sei nadar nem atirar, o que são coisas providenciáveis. Nem sei dirigir e não pretendo aprender. Mas, como é que vou engordar o que preciso?

É, tanto preciso quanto quero engordar 10 quilos. E não dá pra fazer isso aqui em casa. Com o que como. Preciso de mais. De mais coisas, equipamentos, talvez até treinamento pesado. Ainda quero fazer outras coisas.

Isto é e não é uma delas. Ninguém precisa saber. Principalmente do que não quer saber. Cansei disto. Já não tenho mais esperanças neste sentido. Não. Chega. 7 anos. Preciso de algo melhor pra minha vida.

Eu quem o diga. Felizmente não preciso de mais do que alguns meses de concentração direta sobre mim. E de uma lista cumprível de objetivos. Não, modificar uma personalidade é fácil. Difícil é modificar uma personalidade tão arraigada quanto esta. Eu precisei de cinco anos pra concluir isto. Devo precisar de mais três ou quatro para fechar este projeto.

Talvez ano que vem eu já nem me pareça com isto que vos fala. Não duvide, eu não aceito apostas. E nunca entro em briga. Só pra reforçar.

Bom, hora de ir. Auf wiedersehen.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Selecione outra página.
=>

Viaje pelas tags do blog: