segunda-feira, 4 de outubro de 2010

Diário2 ─ capítulo 13

Boa tarde, senhor Ramos.
Hoje o dia foi bem interessante. Descobri como é difícil fazer cálculos. Fiz coisas interessantes.recebi um e-mail datado de 20:51 da noite falando do adiamento da prova que teria hoje. Descobri, hoje de madrugada, que é complicado comprar passagem de avião pela internet. Minha irmã comprou uma. O problema é que n hora de pagar deu problema. Acredita, senhor Ramos, ficamos das 8 da noite até as 2 da manhã tentando resolver e verificar se tinha comprado ou não. Já sei que não dá para confiar muito em sites, principalmente quando se trata de sites que fazem promoçõe de algum em algum tempo.

Senhor Ramos, hoje eu descobri coisas interessantes. Mas não posso contar neste momento. É, aquele velho motivo. Mas confesso que estou ansioso para fazer o que estou pensando em fazer. Claro que não, né, senhor Ramos. Não posso dizer o que é até que aconteça. Será do jeito que estou planejando. Simples direto e sem pensar muito. Vou botar meus planos em ação nesta semana. Não, senhor Ramos, eu não vou fazer nada de perigoso para a vida de outras pessoas. Apenas para a minh própria. Não quero mais saber do que eu quero me livrar. E quando me livrar, o senhor será o primeiro a saber. Nada de que possa me orgulhar, mas que posso depois refazer toda a minha vida com base em algo objetivo.

Senhor Ramos, tenho muitos outros planos. Resolvi desistir da milícia brasileira. Brail não tem nada de bom. Santo de casa não faz milagres. É melhor do que meu segundo objetivo. O senhor sabe qual é. O primeiro é inviável sem dinheiro. Assim que conseguir, o senhor terá em mãos bem mais do que o que poderia te dar agora. Posso te dizer com toda a certeza e com todo o alívio que sinto de estar prestes a fazer o qu vou fazer, que vou odiar o que vou fazer. Porém será muito melhor ter feito isto antes de partir para a segunda etapa da vida e qualquer velho insatisfeito.

Senhor Ramos, o senhor acha que valeu a pena ter votado em Marina, mesmo ela não ganhando. Acha mesmo que poderia ter feito alguma diferença. Tava conversando com um colega ainda a pouco sobre isto. Tô pensando sinceramente em vender meu voto. Vender meu voto talvez fizesse alguma difernça mais tarde. Também acho que Marina teria sido uma ótima presidente.

Acho que por hoje tá bom. J'adore vous, monsieur Ramos. A bientot.

Um comentário:

  1. Marinaldo, vc tem procurado terapeuta? Se sim, conte sobre a experiência. Abraços!

    ResponderExcluir

Selecione outra página.
=>

Viaje pelas tags do blog: